Preço do sebo bovino já caiu 17,3% desde o início do ano no RS

Embora os preços do sebo bovino tenham se mantido estáveis ao longo da semanada passada – encerrando uma trajetória de seis quedas seguidas – a Scot Consultoria vê uma manutenção no viés baixista do mercado do sebo bovino tanto no Brasil Central como no Rio Grande do Sul.

A maior competitividade do óleo de soja frente ao sebo explica o comportamento do mercado. Ambos concorrem pelo mercado de produção de biodiesel.

No Brasil Central, após seis semanas seguidas de desvalorizações, a cotação da gordura animal encerrou a semana passada estável em R$2,05 kg. Na comparação com o início do ano houve queda de 21,2%.

No Rio Grande do Sul, o quilo do sebo está cotado em R$2,15. Desde o início de janeiro deste ano houve desvalorização de 17,3% no preço do produto.

Com adaptação BiodieselBR.com

Biodiesel direto em seu email

Antes de sair, cadastre-se para receber as principais notícias do setor
Obrigado, não quero ficar informado.