Informações

Evento em Cuiabá vai divulgar uso do biodiesel autorizativo


Assessoria Ubrabio - 14 abr 2016 - 10:40

Para incentivar a adoção de um combustível mais limpo pelos grandes consumidores de diesel do estado do Mato Grosso, no dia 04 de maio a União Brasileira do Biodiesel e Bioquerosene (Ubrabio) vai realizar o evento “Biodiesel: Oportunidades e Benefícios do Uso Voluntário”. O evento acontecerá na sede da Federação da Indústria e Comércio do Mato Grosso (FIEMT) em Cuiabá (MT).

A iniciativa acontecerá em parceria com Sindibio-MT, a Aprobio e a Abiove.

O encontro pretende mobilizar lideranças de organizações empresariais, dirigentes de federações, cooperativas e sindicatos e grandes empresários da região para apresentar as vantagens do uso de biodiesel em misturas superiores à obrigatória. Junto à questão ambiental, será abordado também o potencial econômico, já que os produtores poderão utilizar nas máquinas e veículos um combustível produzido no estado.

“Nós precisamos fazer uma transição energética para combustíveis mais eficientes e menos poluentes. O biodiesel é um exemplo disso”, explica Donizete Tokarski, diretor superintendente da Ubrabio.

Para o presidente do Sindicato das Indústrias de Biodiesel no Estado do Mato Grosso (Sindibio-MT), Rodrigo Prosdócimo, esta é uma grande oportunidade. “Além do fomento e sustentação da cadeia agrícola estadual, a indústria de biodiesel destaca a possibilidade de aquisição de B20 e B30 a um custo menor que o preço do diesel na região”.

Produzido a partir de óleos vegetais e gorduras animais, o biodiesel é um combustível renovável alternativo ao diesel fóssil. Ao contrário do diesel, cuja produção está concentrada no litoral brasileiro, a produção de biodiesel está distribuída pelo território nacional com mais de 50 unidades produtoras, especialmente nas regiões centro-oeste e sul.

Aprovada pelo Conselho Nacional de Política Energética (CNPE), em outubro de 2015, a Resolução n° 03 de 21/09/2015 autoriza a comercialização e o uso voluntário de misturas de biodiesel ao óleo diesel em quantidade superior ao percentual obrigatório, atualmente em 7% (B7).

Isso significa que grandes consumidores, que compram combustível diretamente de distribuidoras, podem usar mais biodiesel, levando em conta a viabilidade econômica, já que o biocombustível está mais barato que o diesel fóssil em diversas regiões do país.

Antes, era necessário que o produtor interessado em usar o B30 em seus tratores, por exemplo, solicitasse uma autorização à ANP. Agora, basta apresentar a demanda à distribuidora, que poderá adquirir o biocombustível nos leilões bimestrais realizados pela agência reguladora para comercialização do biodiesel.

Serviço

Biodiesel: Oportunidades e Benefícios do Uso Voluntário

Quando: 04 de maio
Onde: Cuiabá (MT)
Informações: [email protected] / (65) 9993-2591