Dendê / Palma

Preços do óleo de palma devem continuar em alta no curto prazo, diz consultoria


Estadão Conteúdo - 07 jan 2020 - 09:51

Os preços do óleo de palma devem continuar em alta no curto prazo, estima a consultoria Capital Economics (CE). A CE observa que as cotações da commodity continuarão sendo sustentadas em 2020 pelos recentes aumentos nas políticas de biodiesel da Indonésia e da Malásia.

Notícias apontam que o governo da Malásia irá implementar o programa de biocombustíveis B20 em fevereiro. A política prevê porcentual de 20% de biocombustíveis na mistura da gasolina – medida que pode estimular a demanda pelo óleo tropical. A Indonésia também indicou que pretende testar as misturas de biocombustíveis nas concentrações de B40 e B50 no primeiro trimestre deste ano.

Em nota enviada a clientes, a Capital Economics afirma que esse incremento de demanda provavelmente aprofundará o déficit de mercado. A CE considera também que os preços do óleo tropical registraram alta expressiva nas últimas semanas devido, em parte, ao avanço do petróleo.

Na última sessão, os futuros de óleo de palma negociados na Bolsa da Malásia encerraram em alta de 5 ringgits, para 3.047 ringgits por tonelada (US$ 1 = 4,0288 ringgits).