Informações

Associações reagem à redução da mistura obrigatória


BiodieselBR.com - 13 ago 2020 - 19:16

A notícia de que o Ministério de Minas e Energia (MME) vai reduzir a mistura obrigatória de biodiesel de 12% para 10% pelos próximos dois meses, não foi bem recebida pelas associações que representam o setor produtivo. Tanto Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove) quanto a Associação dos Produtores de Biocombustíveis do Brasil (Aprobio) publicaram notas nas quais lamentam a decisão do governo.

Em seu texto a Abiove qualifica a decisão o MME de “precipitada” e argumenta que ela só deveria ter sido tomada após a conclusão do L75 e do um leilão complementar que já foi convocado pela ANP. A entidade também reclama que o anúncio também desrespeita um acordo entre o governo e fabricantes. “Havia um compromisso do MME e da ANP de que, qualquer que fosse a decisão, esta fosse comunicada oficialmente aos setores envolvidos”, diz a nota que pinta em tons fortes as possíveis consequências da medida. “A indústria não admite o cancelamento das vendas realizadas, visto que essa ação causaria colapso na cadeia produtiva do óleo dado que a matéria-prima já foi comercializada”, descreve.


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR