PUBLICIDADE
Soja

Soja em Chicago atinge cotação mais baixa em seis semanas


CenárioMT - 04 jan 2013 - 15:51 - Última atualização em: 29 nov -1 - 20:53
cotacao chicago_040113
Nesta quinta-feira (03), a cotação futura da soja na Bolsa de Chicago – principal referência internacional para o preço da oleaginosa – caiu abaixo do patamar de US$ 14 por bushel (medica equivalente a 27,2 quilos). Esse é o menor preço da commodity em seis semanas e uma verdadeira reviravolta em relação a setembro passado quando o produto ultrapassou os US$ 18 batendo seu recorde histórico.

O recuo aconteceu depois que o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) anunciou que a China havia cancela uma operação de compra 315 mil toneladas de soja norte-americana. Essa não foi a primeira compra que a China cancela nas últimas semanas. 

Além disso, os negócios em Chicago já vinham sendo negativamente pressionados em função das boas expectativas sobre a safra sul-americana de soja que está cada vez mais perto de iniciar sua colheita. 

Para Glauco Monte, analista de mercado da consultoria FCStone, esse cancelamento por parte da China poderia ser reflexo, ainda, da consolidação em importantes países produtores da América do Sul, como o Brasil principalmente. "Essas compras foram feitas como forma de proteção contra algum problema que poderia acontecer por aqui e você poderia se abastecer com uma soja mais barata depois da entrada da safra sul-americana", explica. 

Com adaptação BiodieselBR.com