Biodiesel

Curta: VLT, um transporte moderno


ComuniWeb - 24 jul 2008 - 05:57 - Última atualização em: 09 nov 2011 - 19:06

VLT é a sigla de Veículo Leve sobre Trilhos. O VLT é um pequeno trem urbano, geralmente movido a eletricidade. Seu tamanho permite que sua estrutura de trilhos se encaixe no meio urbano existente. O VLT é uma espécie de bonde moderno tornando-se alternativa de transportes em cidades como Campinas e Recife, ou entre cidades de médio porte como o Trem do Cariri entre Crato e Juazeiro do Norte. O novo conceito do VLT brasileiro, denominado como Trem Padrão Nacional, projeto da Companhia Brasileira de Transportes Urbanos (CBTU), paralelo aos estudos para a implantação dos Trens Regionais de Passageiros desenvolvidos pelo BNDES e COPPE/UFRJ, vem ao encontro da realidade das necessidades quanto à utilização e inserção de um veículo que venha a oferecer um serviço eficiente de transporte de passageiros.

Em Recife, o projeto está sendo implantado desde 2007 com  sete VLTs, constituídos de três carros, tendo cada carro a capacidade para transportar em torno de 200 passageiros. O VLT terá, portanto, a capacidade de transportar 600 passageiros. O peso máximo por eixo é de 12 toneladas. A velocidade máxima estabelecida é de 80km/h (quando em via segregada) com uma velocidade média de 30km/h. O VLT de Recife  será movido por uma mistura que envolve 80% de óleo diesel e 20% de biodiesel. Este veículo a diesel/biodiesel terá equipamento moderno de controle de emissão de poluentes, limitado aos níveis da Norma EURO 3 de Kyoto.