029

Selo social em discussão


Edição de Jun / Jul 2012 - 20 jun 2012 - 10:03 - Última atualização em: 10 jul 2012 - 15:26
Contando com o apoio do Ministério do Desenvolvimento Agrário, BiodieselBR reunirá atores da cadeia produtiva do biodiesel para debates.

Vinícius Boreki, de Curitiba

O espaço da agricultura familiar no Programa Nacional de Produção e Uso do Biodiesel (PNPB) será o foco do Congresso AgriBio, marcado para 5 de julho em São Paulo (SP). Organizado pelo grupo BiodieselBR, o evento foi planejado com base no levantamento dos interesses de profissionais e entidades envolvidas com a cadeia produtiva. Além dos anos de vivência da equipe da revista, o congresso conta com apoio do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA).

Depois de colher as opiniões dos diversos setores do mercado, planejou-se uma programação diversificada, visando inclusive jogar luz sobre assuntos polêmicos, com o objetivo de atender ao setor como um todo – usinas, cooperativas e agricultores. O congresso será dividido em quatro painéis: Situação atual do Selo Combustível Social, Relação entre cooperativas e usinas, Expandindo a participação da agricultura familiar no programa de biodiesel, e, por fim, Matérias-primas: diversificação, oferta e tecnologia.

O diretor de redação de BiodieselBR, Julio Cesar Simczak Vedana, afirma que o intuito é tornar o congresso anual pela necessidade de se discutir o assunto de forma qualificada: “A inclusão social do agricultor por meio do biodiesel é um tema fundamental para o desenvolvimento deste mercado e precisa de um fórum de qualidade.” Ao todo, serão abertas 250 vagas, das quais aproximadamente 100 estão disponíveis para membros de cooperativas e organizações da agricultura familiar.