PUBLICIDADE
cremer cremer
006

Cartas do leitor


BiodieselBR - 06 nov 2007 - 12:54 - Última atualização em: 15 mar 2012 - 11:48

Cartas do leitor


"Porquê o governo está demorando tanto para apoiar o pinhão-manso? Minha equipe já pesquisa esta planta há mais de dois anos. Ainda não existe linha de crédito para o plantio. O que o governo está esperando?"
Oswaldo Tamer Gestor público Paty do Alferes - RJ

"O futuro do Biodiesel está nas culturas como o pinhão-manso, que são mais produtivas. Dessa forma o país poderá substituir gradativamente a matriz energética do combustível fóssil, sem afetar a produção de alimentos, como a soja. Excelente reportagem."
Antonio Gouveia Diretor da G7 Bioenergy Uberlândia - MG

"A quinta edição ficou tão boa que nós da NNE MINAS adquirimos vinte exemplares para enviar aos interessados, principalmente no exterior, para que eles entendam o avanço que o Brasil está tendo no cultivo de pinhão-manso. É importante avançar nas pesquisas relacionadas ao aproveitamento de co-produtos (nem devemos chamar casca e torta de pinhão-manso como “sub-produtos”, pois seu valor poderá se tornar maior que o de óleo), de modo que os agricultores possam vir a usufruir desse cultivo criado para atender a gigantesca demanda do mercado mundial."
Nagashi Tominaga Gerente-geral da NNE Minas Agro Florestal Janaúba - MG

"Excelente a segmentação por assuntos. A edição que trata da Jatropha curcas Linn superou as expectativas. Faltou mencionar a cultura do pinhão-manso na Índia, que, de longe, é o país mais adiantado nesse tipo de uso e pesquisa."
Richard Fontana Diretor da Austenbio Londrina - PR

Sobre a revista


"Os artigos e informações são de ótima qualidade e proporcionam oportunidade de contextualização mesmo para pessoas que não atuam diretamente na área, mas precisam estar em sintonia com o que ocorre no setor. É interessante que as matérias contemplem aspectos técnicos, econômicos e sociais."
Fatima Rosany M. Subtil Bancária Campo Grande - MS

"A revista BiodieselBR é completa e refinada. Tem ótima programação visual e qualidade de impressão. Agrada em todos os aspectos; da coletânea de assuntos aos textos e ilustrações. Congratulações a toda equipe pelo trabalho sério. É disso que o país precisa."
Sebastião Vieira dos Santos Desenhista industrial Ribeirão das Neves - MG

"A revista tem atendido minha expectativa. Sou professor de um colégio agrícola da rede estadual de ensino técnico do Rio de Janeiro e trabalho muito os artigos da publicação em minhas aulas de administração e economia rural. Mostro para meus alunos como as energias alternativas representam uma opção de mercado de trabalho para o técnico agrícola. A qualidade da revista é fantástica. Os artigos permitem que meus alunos formulem questionamentos a partir deles. As edições que recebo têm sido incorporadas ao acervo técnico do colégio."
Celso Nolasco Pereira Tavares Professor do ensino técnico e profissional da área de meio ambiente Conceição de Macabu - RJ

"Com o desenvolvimento de novas tecnologias de ponta de extração de óleo para biodiesel estamos levando o Brasil a um lugar de grande destaque internacional no setor de combustíveis. Essas tecnologias estão se mostrando muito importantes não só para inclusão social e aumento significativo nos números de novos postos de trabalho, mas também para o desenvolvimento de regiões outrora esquecidas de nosso país. Parabenizamos esta revista por nos trazer sempre novas notícias e informações do setor."
Orlando Machado Salvador Presidente da Federação dos Trabalhadores nas Indústrias Químicas e Farmacêuticas do RS Porto Alegre - RS

Notícias


"Na reportagem “Leilões definem o futuro” me senti como quem “pegou o bonde andando”. O gráfico não considera as vendas menores que cinco milhões de litros. De fato não culpo o redator. Simplesmente não entendo como é o funcionamento dos leilões e realmente peguei o bonde andando, portanto fica minha sugestão para as próximas edições: funcionamento, agenda, histórico de leilões etc."
André M. de Souza Consoni Auxiliar de controle orçamentário em usina sucroalcooleira Ribeirão Preto-SP

Outras edições


"Adorei a quinta edição, mas me interessei muito mais pela revista na qual a reportagem de capa foi o óleo de fritura. Tenho uma empresa de coleta e sinto a necessidade de incentivos por parte dos governantes e das próprias usinas, que deveriam entender que a atividade só dará certo se a logística funcionar. Para isso se fazem necessários investimentos em educação ambiental, material para coleta e incentivo fiscal."
Paulo Vitor Barretti Olivo Empresário Taubaté - SP