Glicerina

Exportações de glicerina ficam 11,5% menores no 1º bimestre


Fábio Rodrigues - 09 mar 2021 - 17:26

As exportações de glicerina que já tinham aberto o ano em baixa aprofundaram ainda mais as perdas em fevereiro. Pelas contas do Ministério da Economia, os embarques no segundo mês do ano foram de 34,4 mil toneladas, recuo de 13,3% em relação ao resultado do mesmo período de 2020.

Com isso, a demanda internacional por glicerina brasileira ao longo do primeiro bimestre totalizou 66,6 mil toneladas. São 8,65 mil toneladas – 11,5% – menos do que entre janeiro e fevereiro do ano passado.

No mês passado, a contração das vendas externas atingiu mais duramente o segmento de glicerina destilada cujas exportações ficaram em 8,86 mil toneladas. O resultado ficou substanciais 23,4% abaixo do que havia sido registrado em fevereiro de 2020.


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR