Soja

Soja Chicago: grão cai e óleo sobe


Agrolink - 18 ago 2021 - 09:12

A cotação da soja para setembro recuou 6,25 cents para $ 1369,75 nesta terça-feira na Bolsa de Chicago, enquanto a do farelo para outubro subiu 0,60 ton curta para $ 360,10e a do óleo de soja também para outubro recuou 0,63 cents/libra-peso para $62,54. As informações foram divulgadas pela TF Agroeconômica.

“Dólar em alta em relação às demais moedas impactou negativamente as commodities agrícolas. Petróleo e óleos vegetais em declínio operaram na mesma direção, junto com dúvidas quanto à demanda interna. Deterioração das condições das safras e anúncio de nova rodada de vendas para a China e Desconhecidas, limitaram as quedas”, comenta. “As classificações da condição da soja do relatório de progresso da safra do NASS caíram 3 pontos esta semana para 57% bom/excelente. Dakota do Sul teve a queda mais acentuada. Dakota do Norte ainda foi a classificação mais fraca com uma pontuação de 247. Louisiana assumiu como as melhores condições de soja, com IL caindo 3 da semana passada para 390”, completa.

A previsão do CommodityView de Barchart para a safra de soja de 2021 aumentou 0,52 bpa para 51,55 bushels por acre. “A estimativa de rendimento oficial do USDA era de 50,0 em sua previsão de agosto. A produção de soja estimada da cmdtyView é de 4,469 bbu (121,62 MT), um aumento de 45 milhões (1,22 MT) em relação ao anterior”, indica.

“O esmagamento mensal de NOPA foi a mais baixa de 4 anos para julho em 155,105 mbu (4,22 MT). Isso foi quase 4 mbu (108,86 mil tons) abaixo do que o mercado esperava e 10,24% abaixo do ano passado. Os estoques de óleo de soja ficaram acima das estimativas, em 1,617 bilhões de libras. apesar do esmagamento menor, e 5,17% maior mês/mês”, conclui.

Leonardo Gottems – Agrolink

Tags: Chicago Soja