PUBLICIDADE
cremer cremer
Soja

São Paulo quer dobrar a produção de soja nos próximos três anos


Canal Rural - 23 set 2022 - 09:30

A área plantada com soja em São Paulo deve chegar a 1,250 milhão de hectares nesta safra 2022/23. A estimativa é que 4,620 milhões de toneladas do grão sejam produzidas no estado, de acordo com estimativas da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). No entanto, há uma meta audaciosa no horizonte.

Durante a Abertura Nacional do Plantio da Soja – Safra 2022/23, o mais importante evento de toda a cadeia que aconteceu nesta quinta-feira (22) e que, pela primeira vez, foi sediado em São Paulo, o secretário de Agricultura do Estado, Francisco Matturro, lembrou que o estado não é um tradicional produtor da oleaginosa, mas se trata de um importante ator para o complexo soja.

Segundo ele, existem cerca de cinco milhões de hectares de áreas de pastagens que estão cedendo lugar à agricultura. Neste ritmo, espera-se que os produtores paulistas consigam mais do que dobrar a produção do grão, atingindo 10 milhões de toneladas entre os próximos dois ou três anos.

“São áreas boas, produtivas, que podem ser ainda melhores. São Paulo tem a logística, tem estradas, tem a proximidade do porto [de Santos] e conta com 46 milhões de habitantes, ou seja, o centro de consumo está aqui. São Paulo demanda muita soja e milho para produzir ração e alimentar aves, suínos, gado de leite e tudo isso demanda cereais. São Paulo caminha para sua autossuficiência [de soja] em dois ou três anos”, destaca Matturro.

Victor Faverin – Canal Rural