PUBLICIDADE
cremer cremer
Soja

Preços da soja em grão atingem novos recordes, diz Cepea


Cepea - 28 ago 2012 - 09:30 - Última atualização em: 29 nov -1 - 20:53
recorde soja_cepea_280812
Segundo os pesquisadores do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), influenciados pela baixa oferta e pela alta das cotações internacionais, os preços da soja em grão atingiram novos recordes no mercado brasileiro durante a última semana.

O Indicador Esalq/BM&FBovespa (produto transferido para armazéns do porto de Paranaguá) em moeda nacional subiu significativos 7% entre 17 e 24 de agosto e finalizou a semana em R$ 89,90 pela saca de 60 quilos. Em termos reais, esse é o maior valor histórico já apurado pelo Cepea. Ao ser convertido para dólar (moeda prevista nos contratos futuros da BM&FBovespa), o Indicador Esalq/BM&FBovespa fechou a US$ 44,42 por saca, o que equivale a uma elevação de 6,55% no mesmo período.

A média ponderada das regiões paranaenses, refletida no Indicador Cepea/Esalq, fechou a R$ 83,32 por saca na sexta-feira, também um recorde, mas em termos nominais. Em sete dias, a elevação foi de 2,8%.

Produtores domésticos estão focados na finalização do planejamento para o semeio da soja, que deve começar na segunda quinzena de setembro. Agricultores brasileiros anteciparam as compras dos insumos e devem buscar antecipar o cultivo de soja com vistas a implantar uma segunda cultura no início de 2013, período em que o clima, em geral, ainda é favorável ao desenvolvimento das lavouras.