PUBLICIDADE
cremer
Soja

Abiove: normalização da mistura de biodiesel elevaria oferta de farelo em 4 mi toneladas


BiodieselBR.com - 28 nov 2022 - 18:58

Caso a mistura de biodiesel fosse normalizada já a partir da virada do ano – com B14 no primeiro bimestre e B15 do segundo em diante – as esmagadoras brasileiras poderiam elevar a oferta de farelo de soja 4 milhões de toneladas de farelo de soja no mercado interno. Segundo cálculos da Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove), a oferta chegaria a 43 milhões de toneladas.

A retomada da mistura do biodiesel em 2023 também pode incrementar a produção de óleo de soja em mais de um milhão de toneladas, chegando a 11,3 milhões. Se o B10 for mantido, este volume deve ficar em 10,1 milhões de toneladas.

Mais três meses

Na segunda-feira passada (21), o Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) aprovou uma resolução que prorrogou a vigência do B10 pelos três primeiros meses de 2023.


A Abiove considera a produção de biodiesel essencial para alavancar o esmagamento da soja no mercado interno. Pelas contas da associação, desde 2018 a demanda das usinas de biodiesel por óleo de soja já motivou o processamento de 90 milhões de toneladas de soja.

Isso representa cerca de 16% dos 502 milhões de toneladas processadas nesse período.

Fábio Rodrigues – BiodieselBR.com