Algodão

Goiás deve ampliar em 30% área plantada de algodão em 2018/19


Estadão Conteúdo - 11 fev 2019 - 10:11

Goiás deve plantar 30% mais algodão na safra 2018/19, com área de 42,5 mil hectares – no ciclo anterior, foram cultivados 32,7 mil hectares. A informação é da Associação Goiana dos Produtores de Algodão (Agopa), em nota. "Os números mostram que a recuperação da cotonicultura goiana é sólida, com aumento de 60,7% nas duas últimas safras, visto que, em 2016/17, foram cultivados 26,5 mil hectares", diz a associação.

A Agopa credita o otimismo com a fibra à boa rentabilidade e à forte demanda do mercado internacional. "O mercado está atraente, com preços bons. Também aumentou a confiança do produtor nos novos materiais que entregam produtividade maior", diz o presidente da Agopa, Carlos Alberto Moresco. A produtividade, de fato, deve avançar no Estado, para 299,5 arrobas por hectare – ante 285 arrobas por hectare na safra passada.

A associação não fez estimativa de produção total, mas menciona que, caso as condições climáticas sejam favoráveis, naturalmente vai haver crescimento. O mais recente levantamento da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), divulgado em janeiro, indica que o País deve semear área 25,3% maior, por volta de 1,47 milhão de hectares. "Fatores como câmbio, baixos níveis de estoques internacionais, evolução dos preços nas principais praças produtoras e bom ritmo das exportações contribuirão para que esse quadro se consolide", diz a Conab, em texto referente ao quarto levantamento da safra 2018/19.