PUBLICIDADE
EUA

Governo do Iowa aprova política de incentivo aos biocombustíveis


BiodieselBR.com - 20 mai 2022 - 10:39

O governo do estado norte-americano do Iowa aprovou nessa última terça-feira (17), uma nova lei que cria uma política de incentivo para o uso de biocombustíveis. O texto estabelece benefícios fiscais para a venda de combustíveis que contenham percentual maior de material renovável em sua formulação. A proposta havia sido apresentada pela própria governadora Kim Reynolds.

O texto atualiza o Programa de Infraestrutura de Combustíveis Renováveis de forma a garantir a disponibilidade do E15 e do B20 – gasolina com 15% de etanol e diesel com 20% de biodiesel.

O Iowa é o maior produtor de biodiesel dos Estados Unidos. No ano passado, as usinas localizadas no estado foram responsáveis pela produção de praticamente 1,29 milhão de m³.

{viewonly=registered,special}O governo do estado norte-americano do Iowa aprovou nessa última terça-feira (17), uma nova lei que cria uma política de incentivo para o uso de biocombustíveis. O texto estabelece benefícios fiscais para a venda de combustíveis que contenham percentual maior de material renovável em sua formulação. A proposta havia sido apresentada pela própria governadora Kim Reynolds.

O texto atualiza o Programa de Infraestrutura de Combustíveis Renováveis de forma a garantir a disponibilidade do E15 e do B20 – gasolina com 15% de etanol e diesel com 20% de biodiesel.

O Iowa é o maior produtor de biodiesel dos Estados Unidos. No ano passado, as usinas localizadas no estado foram responsáveis pela produção de praticamente 1,29 milhão de m³.

Incentivos

Além de garantir a disponibilidade do produto nos postos, o governo do Iowa também vai aumentar os incentivos tributários destinados à cadeia do biodiesel.

Hoje, os fabricantes do estado já contam com um crédito fiscal de 2 centavos de dólar para cada galão de biodiesel fabricado. A nova lei dobra esse valor para 4 centavos por galão. Convertido pela taxa de câmbio desta quinta-feira (19), esse valor chega a R$ 0,20 o que garantiria um crédito de aproximadamente 5 centavos para cada litro de biodiesel fabricado.

Esse não é a única vantagem que o biodiesel recebe no estado. Hoje, postos que vendam misturas a partir de B11 já recebem 5 centavos de dólar por galão vendido. Foram criadas duas novas faixas de incentivo: misturas a partir de B20 passam a receber 7 centavos por galão e misturas a partir de B30 ganham 10 centavos por galão.

Transformados em reais por litro, temos entre 6 e 13 centavos em benefícios fiscais aos postos.