Em Foco

Projeto no CE já recolheu 8 mil litros de óleo de cozinha


Diário do Nordeste - 02 set 2011 - 06:21 - Última atualização em: 09 nov 2011 - 19:17
4,5 mil litros de óleo foram vendidos para a usina de biodiesel da Petrobras, em Quixadá

Coletar o maior volume possível de óleo de cozinha usado e doá-lo para ser transformado em combustível ecologicamente correto, o biodiesel. Esse é o objetivo do projeto DuÓleo, que está sendo desenvolvido no Ceará em parceria com a Rede de Catadores de Resíduos Sólidos Recicláveis do Estado do Ceará.

A consultora para o projeto, Neide Cavalcante, informa que no período de dois meses já foram recolhidos cerca de 8 mil litros de óleo. "Avaliamos que coletar o óleo é um processo muito novo, na qual não estamos ainda habituados. É preciso todo um processo de educação e mudança de comportamento", comenta Neide.

Recentemente, em Fortaleza, o Colégio Santa Cecília envolveu seus alunos em uma série de atividades de sustentabilidade ambiental. O organizador da Gincana Cultural, Recreativa e Beneficente, Gilson Rebouças de Freitas, informou que foram recolhidos 4,5 mil litros de óleo para beneficiamento junto à usina de biodiesel da Petrobras, em Quixadá. "Foi uma experiência ótima. Os alunos caíram em campo e foram buscar o material em barracas de praia, restaurante e residências", destacou o professor. Para informações sobre os postos de coleta na Capital cearense, os interessados podem ligar para o telefone: (85) 9658 8844.