Biodiesel

Iapar e Emater apresentam biodiesel na Expotécnica


AENotícias - 08 ago 2008 - 05:27 - Última atualização em: 09 nov 2011 - 19:07

O Instituto Paranaense de Assistência Técnica Extensão Rural (Emater) em parceria com o Instituto Agronômico do Paraná (Iapar) apresenta na 15ª Expotécnica, palestras sobre as novas culturas de produção de óleo vegetal. O evento acontece nos dias 7 e 8 de agosto, no Sitio São José, Comunidade do Km 21, município de Sabáudia.

Diversas plantas oleaginosas que fazem parte da produção do biodiesel podem ser cultivadas no estado do Paraná. A soja e o algodão são dois exemplos que têm cadeia produtiva bem definida e estruturada no Estado.

Diante dessa potencialidade estadual, o Iapar estuda novas opções de cultivo que se adequem ao solo e ao clima da região, como amendoim, girassol, mamona, canola, linho, pinhão, entre outros.

O técnico pesquisador do Iapar, Rui Yamoka, explica que a população confunde o óleo vegetal com biodiesel. “Óleo vegetal não é biodiesel. O biodiesel é óleo com etanol passado em um catalisador. Se só o óleo for utilizado pode trazer prejuízos ao motor”, esclarece.

O objetivo da pesquisa é buscar novas alternativas de produção e acrescentar renda aos produtores. Para o agricultor Reginaldo Viera dos Santos, esse estudo é uma forma de buscar novas alternativas de produção diante do alto valor do diesel. “Creio que estão tentando encontrar outras formas para a produção do diesel, que cada vez esta mais caro”, afirma.