PUBLICIDADE
cremer
Negócio

Preço do petróleo sobe em mercado apertado enquanto EUA decide liberar mais reservas


Reuters - 20 out 2022 - 10:16

Os preços do petróleo subiram nesta quarta-feira, com a cautela sobre o aperto da oferta contrabalançando o impacto negativo da demanda incerta e notícias de que os Estados Unidos liberarão mais petróleo de suas reservas.

Os contratos futuros de petróleo Brent para liquidação em dezembro subiram 2,38 dólares, ou 2,6%, para 92,41 dólares por barril.

O petróleo dos EUA (WTI) para novembro, que expira na quinta-feira, fechou a 85,55 dólares por barril, alta de 2,73 dólares, ou 3,3%.

"Realisticamente, um lançamento de SPR (Reserva Estratégica de Petróleo, na sigla em inglês) é baixista no curto prazo, altista no longo prazo, porque eventualmente você terá que comprá-lo de volta", disse Gary Cunningham, diretor de pesquisa de mercado da Tradition Energy.

"No geral, o mercado continua a oscilar descontroladamente e a dar voltas em notícias erráticas".

Na sessão anterior, os preços de referência atingiram uma mínima de duas semanas depois que o presidente dos EUA, Joe Biden, disse que planeja liberar 15 milhões de barris de petróleo da SPR.

Biden, em comentários nesta quarta-feira, pontuou planos dos EUA de recomprar petróleo para a reserva posteriormente se os preços caírem o suficiente. A liberação da reserva seria a última venda da planejada venda de 180 milhões de barris de petróleo anunciada logo após a Rússia ter invadido a Ucrânia em fevereiro.

Os preços do petróleo subiram desde que a Organização dos Países Exportadores de Petróleo concordou em reduzir sua meta de produção em cerca de 2 milhões de barris por dia - embora se espere que isso permita apenas cerca de 1 milhão de barris de declínio real na produção.

David Gaffen – Reuters