Bioquerosene

British Airways assina compromisso de US$ 500 mi em biocombustíveis


BiodieselBR.com - 05 dez 2012 - 16:54 - Última atualização em: 29 nov -1 - 20:53
britishAirways acordo_solena_051212
Ontem (04), a British Airways firmou oficialmente um compromisso de compra dos biocombustíveis de aviação fabricados pela GreenSky London – uma joint venture formada pela própria British Airways e a norte-americana Solena Fuels. Pelo contrato, a companhia área deverá adquirir o equivalente a US$ 500 milhões em combustíveis pelos próximos 10 anos.

A iniciativa GreenSky London busca produzir combustível renováveis para o setor de aviação em escala comercial. O projeto inclui a construção de uma unidade produtiva para converter 500 mil toneladas de resíduos urbanos de biomassa em 50 mil toneladas de combustível de aviação, além de 50 mil toneladas de biodiesel, bionafta e energia renovável. A unidade usará a tecnologia de gaseificação de biomassa desenvolvida pela Solena.

O presidente da Solena, Robert Do, afirmou que o acordo representa o maior compromisso de biocombustível avançado já feito por uma companhia aérea. “O projeto irá fornecer combustíveis limpos e sustentáveis a preços competitivos de mercado, que ainda vão ajudar a British Airways a atingir os seus objetivos de sustentabilidade", acrescenta.

Num pronunciamento sobre a parceria, o chefe executivo da British Airways, Keith Williams, ressaltou que agora o programa tem os parceiros que precisa para oferecer uma instalação de combustível de aviação sustentável. 

A British Airways tem uma meta para reduzir suas emissões líquidas de carbono em 50% até 2050.

A Solena Fuels e a British Airways vem flertando desde 2009, com o objetivo de construir a unidade avançada de produção de combustível de aviação sustentável. Mas foi só a partir de julho passado que o projeto começou a ganhar substância.

Patrícia Herman – BiodieselBR.com
Com informações: Energy Business Review, Solena Fuels, Biomass Magazine