PUBLICIDADE
030

Aprobio: Uma justa homenagem


Edição de Ago / Set 2012 - 27 ago 2012 - 09:35 - Última atualização em: 31 out 2012 - 12:01

No dia 2 de agosto, a Associação dos Produtores de Biodiesel do Brasil (Aprobio) e a União Brasileira do Biodiesel e Bioquerosene (Ubrabio) realizaram uma homenagem ao ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva, em função de todo o seu trabalho, comprometimento e crença no setor de biodiesel.

Nesse dia a Aprobio elegeu, com o consenso dos seus associados, o ex-presidente como o Patrono do Biodiesel, pois foi ele o grande líder entre muitos outros. Lula conduziu uma equipe na qual existiam muitos líderes, como a atual presidente Dilma Rousseff, na época ministra de Minas e Energia e, posteriormente, ministra-chefe da Casa Civil. Em conjunto, eles capitanearam, com sucesso, a elaboração e a implantação desse programa junto a outras lideranças do setor.

Toda a cadeia estava ali representada homenageando o trabalho e a dedicação do ex- -presidente Lula nesse programa visionário que foi implantado no Brasil. Tivemos representantes dos agricultores, das distribuidoras, enfim, de toda a cadeia envolvida na produção, distribuição e consumo do biodiesel. É uma homenagem justa, um tributo que realmente deveria ser feito para a pessoa que, além de confiar no programa de biodiesel, defendeu e continua defendendo os biocombustíveis a nível mundial.

O que nos deixou bastante eufóricos foi ver a afirmação do ex-presidente de que realmente o biodiesel veio para ficar e que esta é uma política de estado. Mais ainda, que ele acredita que o pensamento da atual presidente e do governo seja de continuidade do programa do biodiesel e também dos demais programas de biocombustíveis. Lula foi enfático ao defender a diversificação da matriz energética brasileira, com o fomento da produção de biocombustíveis e de fontes alternativas de energia renovável. “Não é porque temos o pré-sal que vamos parar de investir na melhoria do ar das nossas cidades e da vida do provo brasileiro”, disse ele.

O país tem todo o potencial para se tornar referência e o maior produtor de biocombustível mundial. Certamente, com as devidas medidas que virão nos próximos dias ou meses, o Brasil vai ocupar a posição que realmente merece. O setor cumpriu um papel importante na ocasião, mostrando-se unido e prestando homenagem à pessoa que mais influenciou para o sucesso do programa.

Erasmo Carlos Battistella é presidente da Associação dos Produtores de Biodiesel do Brasil – APROBIO; diretor presidente da BSBIOS e presidente da Associação Brasileira dos Produtores de Canola -ABRASCANOLA