010

Garantindo o lucro com o biodiesel


BiodieselBR.com - 01 jun 2009 - 07:35 - Última atualização em: 23 jan 2012 - 09:28
Regra dos leilões de biodiesel leva os produtores brasileiros a procurar proteção contra possíveis perdas financeiras. Fundos de hedge, proteção cambial e contratos prévios de fornecimento são algumas das saídas encontradas para enfrentar a variação no preço da matéria-prima no mercado.

Rosiane Correia de Freitas, de Curitiba

Participar de um leilão exige sangue frio e cálculo rápido. É preciso saber até onde os outros competidores podem ir. Mais do que isso, é preciso saber até onde você pode ir. São as contas, baseadas em números precisos, que ajudam a tomar uma decisão. Mas... E o que acontece se nem todos os números necessários para o cálculo estiverem disponíveis? Como fazer a conta? Como tomar a decisão?

Esse é o problema por que passam os negociantes de biodiesel brasileiros na hora de encarar um leilão da Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANP). Qual é o número que está faltando? A cotação para os próximos meses da soja – matéria- prima que reina absoluta no mercado de biodiesel, com quase 80% de participação na produção do país. E esse é um número tremendamente importante, já que o óleo de soja representa mais de 80% do valor total de cada litro do biocombustível.

A regra atual dos leilões prevê que cada fornecedor se comprometa a fazer entregas do produto no período de três meses. E o preço durante esses meses é fixo. Mas como saber qual será a variação do preço da soja dentro do próximo trimestre? Bolas de cristal não funcionam. Sempre há a possibilidade de aumento de preços, principalmente em épocas de turbulência na economia, já que o produto em questão é cotado em dólares na Bolsa de Valores de Chicago.

“O mercado é muito volátil, não dá para arriscar de jeito nenhum”, afirma Gonzalo Terracini, da FCStone, que faz consultoria para gerenciamento de risco em commodities e atende, entre outras, a Brasil Ecodiesel.

A resposta para fechar a equação depende do estilo de cada negociador. Mas tem se tornado comum a opção por entrar no mercado financeiro para encontrar a proteção adequada a esse desafio. A solução, neste caso, é o famoso – e, para a maior parte das pessoas, misterioso – hedge.

Para começar a entender o conceito, é bom conhecer o significado original da palavra. Hedge, que vem do inglês, poderia ser traduzido como “cobertura”. Ou seja: quem aposta em hedge está protegendo seu investimento.