Informações

MPF se posiciona pela suspensão da privatização da PBio


BiodieselBR.com - 18 nov 2021 - 14:08

Um parecer do Ministério Público Federal (MPF) recomendou que a Justiça determine a suspensão do processo de venda dos últimos ativos da Petrobras Biocombustível (PBio). O relatório elaborado pelo procurador Edmundo Antonio Dias Netto Júnior não paralisa a venda, mas pode influenciar a decisão de um processo que foi aberto por sindicatos de petroleiros.

Desde 2016, a Petrobras vem se desfazendo aos poucos de seus negócios no setor de biocombustíveis. De todos os investimentos que a petroleira já teve na área, restam apenas as usinas de biodiesel em Montes Claros (MG) e Candeias (BA).

Somadas, as duas usinas têm capacidade para fabricar 500,4 mil m³ de biodiesel. Isso representa 4,3% do parque industrial brasileiro. De janeiro até outubro, a PBio foi a responsável pela fabricação de 164,5 mil m³ de biodiesel o que representa 3,2% do total produzido no país.


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR