PUBLICIDADE
Informações

Cargill na trilha de lucro recorde com boom de mercado agrícola


Bloomberg - 26 mai 2021 - 09:55

A Cargill, gigante de commodities que é a maior empresa privada dos Estados Unidos, emerge como uma das maiores vencedoras do boom nos mercados agrícolas globais, rumo ao ano mais rentável em 156 anos desde sua fundação.

A empresa registrou lucro líquido de quase US$ 4,3 bilhões durante os primeiros nove meses do ano fiscal, segundo dados divulgados pela trading para acessar o mercado de títulos. Esse número já supera o melhor lucro anual total de todos os tempos.

Muitos no mercado suspeitavam que a Cargill estaria se beneficiando do boom das commodities, mas esta é a primeira vez que dados concretos estão disponíveis. A Cargill interrompeu uma tradição de mais de duas décadas em 2020 e deixou de divulgar resultados. Ainda compartilha dados financeiros com banqueiros e outras entidades. Antes de uma emissão de títulos na semana passada, a empresa revelou dados para investidores de crédito e agências de classificação de risco.

O aumento da demanda por carne, milho e soja impulsionou os mercados agrícolas, trazendo fortes ganhos para produtores e operadoras commodities. Embora isso signifique lucros crescentes para empresas como a Cargill e rivais, também reforça perspectiva de aceleração da inflação de alimentos quando as cadeias de suprimento estão sob pressão e a fome se agrava em vários países.

Os fortes resultados da Cargill ecoam uma tendência em todo o setor de negociação de commodities, que lucrou muito com a volatilidade dos mercados no ano passado. A Vitol Group, maior operadora independente de petróleo do mundo, registrou ganhos recordes em 2020, enquanto a Trafigura, segunda maior trading independente de petróleo e metais, também teve lucro recorde no ano fiscal encerrado em setembro de 2020.

Além do forte lucro líquido, a Cargill disse aos investidores de títulos e agências de rating que o Ebitda cresceu para mais de US$ 7,1 bilhões durante os primeiros nove meses do ano fiscal, também a caminho de atingir um recorde, segundo duas cópias dos dados vistas pela Bloomberg News.

A Fitch Ratings disse em relatório a clientes que a Cargill deve registrar Ebitda anual “pelo menos na faixa superior de US$ 8 bilhões”, o que seria equivalente a um aumento de mais de 30% em relação aos US$ 6,3 bilhões divulgados no ano fiscal de 2020.

Em resposta a um pedido de comentário, um porta-voz da Cargill disse que a empresa não compartilha informações financeiras detalhadas publicamente.


A Cargill registrou lucro líquido pouco acima US$ 3 bilhões no ano fiscal de 2020. O melhor desempenho de todos os tempos da empresa ocorreu no ano fiscal de 2008, quando teve lucro líquido de US$ 3,95 bilhões, de acordo com dados compilados pela Bloomberg News. O ano fiscal da empresa acaba em maio.

Javier Blas e Michael Hirtzer – Bloomberg