PUBLICIDADE
Leilões de biodiesel

Leilões de biodiesel chegam ao fim com resultado pouco expressivo


BiodieselBR.com - 14 out 2021 - 20:11

Este pode ter sido – ou não! – o último leilão de biodiesel da história. Se foi mesmo, o sistema de comercialização que tirou o setor de biodiesel do papel antes mesmo da estreia a da mistura obrigatória e o trouxe até aqui está chega ao fim num inegável anticlímax. Somando tudo, as distribuidoras compraram 1.072,6 milhares de m³ de biodiesel – cerca de 3% abaixo do volume que havia sido adquirido para abastecer o mercado no mesmo período do ano passado.

A queda nas vendas foi puxada pela decisão do governo de retroceder a mistura obrigatória ao B10 numa nova tentativa de segurar novas altas no preço final do óleo diesel. Esse novo corte na mistura – o quarto seguido neste ano – frustrou o setor produtiva que contava com a normalização do mercado no último bimestre de 2021.

É a comparação desfavorável entre o B11 do L76 e o B10 de agora que colocou o resultado no campo negativo. Se olharmos para as vendas em si, o resultado não pinta um mercado tão desfavorável.

Com o volume arrematado, as distribuidoras podem vender um pouco mais que 10,7 milhões de m³ de óleo diesel entre novembro e dezembro. Se confirmado, esse resultado ficaria respeitáveis 12% acima do volume que foi demandado pelo mercado brasileiro no último bimestre de 2020. Isso indica que as distribuidoras continuam otimistas em relação à demanda.


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR