Leilões de biodiesel

Exclusivo: a situação das entregas de cada usina


Miguel Angelo Vedana - BiodieselBR - 19 set 2012 - 18:39 - Última atualização em: 21 set 2012 - 11:52

Há dois dias da realização da etapa de compra do 27º leilão, BiodieselBR obtém, com exclusividade, a performance de entrega das usinas no 26º leilão.

O 26º leilão comprou biodiesel para ser entregue nos meses de julho, agosto e setembro. O documento ao qual BiodieselBR teve acesso mostra os dados de entrega de cada uma das usinas nos meses de julho e agosto. As entregas de setembro estão ainda em andamento e não foram consolidadas.

O momento
Este é um momento particularmente importante, já que nesta sexta-feira as distribuidoras comprarão o biodiesel das usinas. E, de acordo com as novas regras introduzidas no certame passado, elas possuem o direito de preterir usinas com histórico de inadimplência. No entanto, esse direito de escolha não deve ser exercido em sua plenitude, uma vez que o volume ofertado foi baixo e poucas usinas devem ficar sem negociar o seu produto.

As entregas
Os números mostram que as entregas estão em 92,4% do contratado até agosto. A performance foi de 87,4% no mês de julho e 97,1% no mês de agosto. Se mantido o crescimento, a entrega de biodiesel no trimestre terminará em patamares acima do registrado no problemático 2º trimestre do ano, no qual foram retirados apenas 85,7% do vendido no leilão.

As entregas de julho e agosto mostram que 12 das 39 usinas atingiram uma performance acima de 100% do volume contratado até agosto. Com destaque para a usina da Petrobras na Bahia, que entregou 114,6%. No outro extremo temos sete usinas que não entregaram - ou não tiverem retirados - 80% do volume arrematado no leilão 26. Na última colocação estão empatadas as usinas da Bioverde e da Bionasa com 47,4%. As usinas que não atingirem os 80% no final do trimestre ficarão impossibilitadas de participar do 28º leilão, caso não comprovem que a culpa pela baixa retirada foi das distribuidoras.

Ainda existem outras nove usinas que estão com as entregas entre 80% e 90%. Essas empresas pagam uma multa equivalente a 5% do valor do biodiesel que foi não entregue abaixo de 90%.

BiodieselBR fará a cobertura em tempo real do 27º leilão de biodiesel a partir das 9:00 desta sexta-feira.

A tabela abaixo apresenta a performance de todas as usinas nos meses de julho, agosto e a média destes dois meses:



Atualização 21/09 - 9h10m:
O gerente da usina da Fiagril Francisco Flores entrou em contato com a BiodieselBR informando os motivos que levaram a empresa a não alcançar uma performance de 100% das entregas. De acordo com o gerente, a greve na receita federal impediu a importação de metanol (veja notícia sobre o assunto aqui) impossibilitando a produção de biodiesel. Aliado a isso, a “mudança na legislação de transporte de caminhões” fez com que as empresas ligadas a Fiagril não conseguissem escoar o farelo. Os dois problemas deixaram a Fiagril 21 dias sem poder produzir biodiesel. Esta situação foi vivenciada no início do trimestre de entregas e resolvida na sequência. A empresa informou que possui cinco mil metros cúbicos de biodiesel em estoque e até o final do mês conseguirá atingir uma performance média de 90% com facilidade.

Atualização 21/09 – 11h52m:
O gerente industrial da usina Olfar Mateus Henrique Andrich enviou comunicado a BiodieselBR informando que “sempre cumpriu e cumprirá com seus compromissos e contratos, desde que não sejam alheios a sua vontade, fato pelo qual nossas entregas estão abaixo da média para os meses destacados, em função das distribuidoras estarem retirando abaixo do volume disponibilizado, e não pelo fato da usina não ter disponibilidade de produto ou problemas operacionais que lhe impedem de fazerem maiores entregas”.

Miguel Angelo Vedana - BiodieselBR.com

Tags: L26 L27