Pesquisa

Térmica vai pesquisar formação de borras em misturas de biodiesel


BiodieselBR.com - 22 set 2014 - 09:42 - Última atualização em: 29 nov -1 - 20:53

A Eneva – geradora de eletricidade que já pertenceu ao empresário Eike Batista, mas atualmente é controlada pela alemã E.ON – vai desembolsar R$ 504 mil num projeto de Pesquisa & Desenvolvimento (P&D) da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) destinado a estudar formas de se minimizar a formação de borras de origem microbianas decorrentes da mistura do biodiesel ao diesel. O projeto será tocado em parceria com a Universidade Federal do Pará (UFPA)


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR