PUBLICIDADE
cremer
Soja

Soja sente queda do dólar e preços caem no Brasil


Agência Safras - 30 nov 2022 - 09:55

Os preços da soja caíram no Brasil nesta terça-feira (29), acompanhando o movimento do dólar. As cotações também sentiram a pressão da volatilidade de Chicago. Com isso, os negócios foram travados, com pouca soja disponível sendo comercializada.

Veja os preços nas principais praças
- Passo Fundo (RS): a saca de 60 quilos caiu de R$ 183,00 para R$ 181,00
- Região das Missões: a cotação desvalorizou de R$ 182,00 para R$ 180,00
- Porto de Rio Grande: o preço recuou de R$ 192,00 para R$ 189,00
- Cascavel (PR): o preço decresceu de R$ 183,00 para R$ 180,50
- Porto de Paranaguá (PR): a saca passou de R$ 190,00 para R$ 187,50
- Rondonópolis (MT): a saca seguiu em R$ 167,00
- Dourados (MS): a cotação teve retração de R$ 175,00 para R$ 173,00
- Rio Verde (GO): a saca baixou de R$ 171,00 para R$ 169,00

Soja em Chicago

Os contratos futuros da soja negociados na Bolsa de Mercadorias de Chicago (CBOT) fecharam a terça-feira com preços mais altos para o grão e o óleo e mais baixos para o farelo. Em sessão bastante volátil, o grão oscilou entre os territórios positivo e negativo, dentro de pequenas margens.

Conforme a Agência Dow Jones, o clima seco e quente na Argentina atua como fator de suporte, pois pode afetar o potencial produtivo das lavouras. Até que as chuvas se tornem mais consistentes no país, a preocupação continua.

Os contratos da soja em grão com entrega em janeiro de 2023 fecharam com alta de 2,25 centavos de dólar por bushel ou 0,15% a US$ 14,59 1/2 por bushel. A posição julho teve cotação de US$ 14,66 por bushel, com ganho de 3,25 centavos ou 0,22%.

Nos subprodutos, a posição dezembro/22 do farelo fechou com baixa de US$ 5,1 ou 1,23% a US$ 408,50 por tonelada. No óleo, os contratos com vencimento em dezembro fecharam a 76,54 centavos de dólar, alta de 0,47 centavo ou 0,61%.

Câmbio

O dólar comercial encerrou a sessão com baixa de 1,39%, sendo negociado a R$ 5,2900 para venda e a R$ 5,2880 para compra. Durante o dia, a moeda norte-americana oscilou entre a mínima de R$ 5,2800 e a máxima de R$ 5,3310.