Bio

Resultado completo do leilão de estoque


BiodieselBR.com - 23 mai 2011 - 11:04 - Última atualização em: 09 nov 2011 - 19:16

Na última sexta-feira (20) a Petrobras realizou um leilão para recompor seus estoques de biodiesel. Foram comercializado 40 milhões de litros por um total pouco superior a R$ 86 milhões e um preço médio de R$ 2.154,12 por metro cúbico.

Embora superiores aos valores médios negociados durante o leilão 20 (R$ 2.046,2 pelo metro cúbico), os valores não foram considerados bons pelos produtores envolvidos na disputa, [http://www.biodieselbr.com/noticias/bio/precos-leilao-estoque-biodiesel-empolgam-200511.htm] especialmente porque se trata de um leilão pela modalidade CIF na qual as usinas devem arcar com os custos de logística de seu produto.

A disputa oferece uma prévia de como o mercado poderá se comportar durante o 22º leilão de biodiesel que está marcado para começar amanhã às 10h. Os preços de referência da ANP são de R$ 2,38 por litro para lotes com até 7,5 milhões de litros e de R$ 2,26 para lotes maiores. Valores que ficam um pouco abaixo dos preços de abertura de R$ 2,40 a R$ 2,30 definidos pela Petrobras para o leilão de estoque.

Isolando na tabela os resultados FOB do leilão (antes dos custos de logística serem adicionados), é possível ver que o melhor preço no biodiesel foi obtido pela Petrobras de Quixadá que arrematou um lote de 500 m3 a R$ 2.217,45 m3 enquanto na outra ponta aparece a Fiagril, negociando um lote de dois milhões de litros por R$ 1.935 pelo m3. O preço médio sem o frete ficou em R$ 2,08199 por litro.

É bom ressaltar que os custos de frete da Fiagril foram os mais altos do leilão, o que ajuda a compensar os baixos preços obtidos pelo biodiesel.

Veja a tabela completa de resultados

Segundo leilão de estoque de 2011 para 40 milhões de litros.
Data de realização: 20/05/2011


Fábio Rodrigues - BiodieselBR.com