Autorizações

Be8 completa ampliação da usina de Marialva (PR)


BiodieselBR.com - 30 mai 2023 - 15:15 - Última atualização em: 07 jun 2023 - 09:26

Maior fabricante de biodiesel do Brasil com quase 14% de participação do mercado nacional, a Be8 – ex-BSBios – está se movendo no sentido de tentar aumentar ainda mais sua dianteira frente aos demais players. A empresa acaba obter da ANP a autorização para que sua usina de Marialva (PR) comece a operar com a capacidade instalada ampliada para 540 mil m³ por ano – cerca de 15,4% acima da atual. O documento foi publicado na edição desta terça-feira (30) do Diário Oficial da União (DOU).

A planta paranaense já tem um porte bastante significativo. Desde janeiro de 2021, Marialva pode fabricar até 468 mil m³ de biodiesel por ano, o que a coloca na 5ª posição do ranking nacional de usinas – empatada com a Be8 de Passo Fundo (RS) e com as usinas de Veranópolis (RS) e de Iraquara (BA) da Oleoplan.

Com a ampliação mais recente, Marialva sobe uma posição no ranking e toma o posto que hoje é ocupado pela ADM de Rondonópolis cuja capacidade instalada é de 486,7 mil m³ anuais.

Legado da Agrenco

A usina de Marialva foi originalmente construída pela Agrenco e acabou vendida para a (então) BSBios em abril de 2009. Ela entrou em operação em maio de 2010 já como parte da parceria entre a atual Be8 e que Petrobras Biocombustível (PBio) que seria encerrada no começo de 2021.


EXCLUSIVO ASSINANTES

O texto completo desta página está
disponível apenas aos assinantes do site!

VEJA COMO É FÁCIL E RÁPIDO ASSINAR