PUBLICIDADE
Biodiesel

Chile produzirá biodiesel de pinhão-manso brasileiro


ANSA - 19 abr 2008 - 16:57 - Última atualização em: 09 nov 2011 - 19:06

A Universidade de Tarapacá, no Chile, está impulsionando a produção pioneira de biodiesel no país, a partir de uma planta oleosa não comestível importada do Brasil e da Guatemala, e que não contribuiria para a crise dos alimentos. As sementes serão plantada no deserto do Atacama, o mais árido do mundo.

A maior novidade do projeto chileno é a utilização de terrenos não-cultiváveis para a plantação da "jatropha". O fato ajudaria a frear as críticas de organismos internacionais, que questionam o desenvolvimentos dos biocombustíveis em áreas destinadas para cultivo de alimentos.

Países como o Brasil, pioneiro no uso do álcool da cana-de-açúcar como combustível, são criticados por supostamente contribuir para a escalada internacional do preço dos alimentos, que afetam dos mais ricos, como Estados Unidos, aos mais pobres, como o Haiti.

As sementes da jatropha, que foram importadas do Brasil e Guatemala e serão cultivadas no Atacama -- a cerca de 1.400 quilômetros ao norte de Santiago --, contêm 45% de óleo e apresentam boas qualidades para a fabricação de biodiesel.

"[A jatropha] pode ser facilmente transformada em biodiesel", afirma José Luis Cordeu, membro do departamento de bioenergia da FAO (Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação).

Cordeu assegura que essa planta é utilizada em outras regiões do planeta para combater a desertificação e para reabilitar terras degradadas. Se a jatropha conseguir se adaptar à salinidade da água e às baixas temperaturas noturnas do norte chileno, os especialistas esperam a produção de 4 tolenadas de sementes por hectar, capazes de gerar 1.700 litros de biodisel.

À iniciativa pioneira do Chile somam-se, pelo menos, mais oito projetos relacionados. Entre eles está o projeto de produção de biodiesel a partir de microalgas (pela Universidade Arturo Prat) e a produção de etanol de milho (pela empresa Etanol del Pacífico S.A).