Senador apresenta proposta de modernização do Selo Combustível Social

O senador Cidinho Santos apresentou uma proposta para reforma do Selo Social do Biodiesel. Em audiência realizada tarde desta terça-feira (04), com o secretário de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (SDA), José Ricardo Roseno, o parlamentar mato-grossense propôs a criação de um fundo para o financiamento para projetos voltados para os pequenos produtores brasileiros.

Segundo o senador, esse fundo seria gerido pelas entidades representativas da agricultura familiar e das indústrias de biodiesel e teria seus recursos divididos entre projetos regionais e nacionais – 70% para os primeiros e 30% para os segundos –, voltados principalmente nas regiões mais carentes do país. A ideia seria beneficiar agricultores do Norte, Nordeste e do Vale do Jequitinhonha (MG).

Para a escolha dos projetos financiados, o senador Cidinho propôs a criação de um comitê gestor, composto por representações do governo federal, governo federais e entidades da agricultura familiar e dos produtores de biodiesel.

“Poderemos investir em qualificação, assistência técnica, pesquisas, instalação de agroindústrias em assentamentos e dar uma efetividade ainda maior para o Selo Social”, explica o senador acrescentando que a iniciativa refletiria experiências aprimoradas em outras cadeias produtivas. “O Mato Grosso já tem exemplos de fundos bem-sucedidos, como o fundo do algodão, da soja e da bovinocultura. Estamos propondo o mesmo modelo, mas com o comitê gestor para administrar os recursos”, ressalta o senador.

A proposta do senador Cidinho Santos teve boa aceitação e uma nova reunião na Secretaria de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário deve acontecer na próxima semana.

Com adaptação BiodieselBR.com

Biodiesel direto em seu email

Antes de sair, cadastre-se para receber as principais notícias do setor
Obrigado, não quero ficar informado.