Indonésia vai contestar judicialmente tarifas impostas pelos EUA


A Indonésia planeja apresentar uma ação contra o Departamento de Comércio Americano, no Tribunal de Comércio Internacional dos EUA, sobre as tarifas aplicadas sobre as exportações indonésias de biodiesel para mercado norte-americano, informou um funcionário do Ministério do Comércio nesta sexta-feira (02).

O governo indonésio planeja ainda, protocolar uma queixa junto a Organização Mundial do Comércio (OMC), sobre o mesmo tema, conforme disse a Reuters a Diretora de Segurança Comercial do Ministério da Indústria do Comércio Indonésio, Pradnyawati Pambagyo. Contudo, ainda não foi definido um cronograma para a ação.

O Departamento de Comércio dos EUA estabeleceu em novembro do ano passado, direitos compensatórios finais, sobre os supostos subsídios concedidos pela Indonésia durante a produção de seu biodiesel, que variam entre 34,45% a 64,73%. Investigações foram lançadas contra o biodiesel argentino e indonésio no ano passado, após um aumento nas importações de biodiesel para os Estados Unidos.

Espera-se que o Departamento de Comércio estabeleça uma nova tarifa logo após a sua investigação antidumping.

“O governo da Indonésia está pronto para defender o interesse da indústria interna de biodiesel. Assim como feito no caso contra a UE, onde saímos vitoriosos da OMC “, disse Pradnyawati.

A OMC decidiu favoravelmente pela Indonésia contra a União Europeia, em setembro passado, e ratificou sua decisão em janeiro desse ano, forçando novamente a comercialização do biocombustível pelo bloco.

Biodiesel direto em seu email

Antes de sair, cadastre-se para receber as principais notícias do setor
Obrigado, não quero ficar informado.
Esqueci minha senha close modal